Foi na cruz

Cruz
Foi na cruz, foi na cruz
Onde um dia eu vi

Eu me vi

E senti
Os caminhos
Dos múltiplos
Sentidos.

É na cruz, é na cruz
Que por um deles decidi,
Decidirei
E decido.

Os braços da cruz
São braços que, confesso,
Não fazem jus
Aos números
Infinitos.

A cruz esconde multibraços
Ramificações de opções de perder.

A cruz é cruz pelo sofrimento da morte
E pelo sofrimento das decisões de morrer.

Anúncios

Um comentário sobre “Foi na cruz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s